Conversar depois é tão importante quanto o sexo

31/1/2012
Psicólogos de uma universidade na Pensilvânia, nos EUA, garantem que um relacionamento saudável não consiste apenas de sexo. Homens que caem no sono ou saem da cama logo após o ato sexual tendem a deixar suas companheiras mais inseguras e emocionalmente abandonadas do que estariam se nem tivessem feito sexo.
A importância da conversa pós-ato sexual, segundo os pesquisadores, está ligada a questões de segurança conjugal: 456 pessoas heterossexuais foram consultadas, e as mais carentes de afeição eram justamente aquelas cujo parceiro era de poucas palavras logo após a interação carnal.
Segundo os psicólogos, os homens tendem a dormir antes para evitar diálogos sobre comprometimento na relação. As mulheres, automaticamente, se sentem oprimidas quando isso acontece. É importante, de acordo com os especialistas, que o homem e a mulher fortaleçam seus laços amorosos com palavras, para dizer a si mesmos que seus relacionamentos são mais profundos do que o simples ato sexual. [Telegraph]


Por Stephanie D’Ornelas 

Actriz foi raptada por extraterrestres

31 | 01 | 2012   11.32H
Actriz da série cómica ‘The Nanny’ garante ter sido abduzida por aliens na adolescência. Fran Drescher tem uma cicatriz onde colocaram o chip. O ex-marido viveu experiência semelhante.
Vera Valadas Ferreira | vferreira@destak.pt
O seu timbre simultaneamente esganiçado e nasalado acabaria por ser uma das imagens de
marca da personagem da sua vida, a ama modernaça da popular sitcom The Nanny. Mas hoje, Fran Drescher dá que falar por outros motivos, para alguns de certo igualmente hilariantes.
É que a actriz acredita ter sido abduzida por extraterrestres. Ao site do jornal norte-americano The Huffington Post, Drescher explica que tal experiência remonta à sua adolescência e que o
ex-marido, com quem estranhamente continua a dividir casa e cuja homossexualidade ela viria a aceitar, também terá vivido um episódio semelhante com criaturas de outro planeta.
«Eu e o Peter [Jacobson, produtor da série] avistámos aliens antes de nos conhecermos, enquanto conduzíamos na estrada com os nossos pais. Alguns anos mais tarde, conhecemo-nos e percebemos que tivemos a mesma experiência», lembra a artista. «Acho que, de alguma forma, fomos programados para nos conhecermos», comenta.
A actriz garante até que tem uma cicatriz que prova o encontro alienígena, ainda que o ex-marido já tenha dito que a marca resultou de uma queimadura de água quente. «Isso é o que os aliens te
programam para pensar. Mas, na verdade, foi onde me colocaram o chip», alega
Fran, de 54 anos.
Nos anos 90, a comédia também exibida em Portugal teve franco sucesso. Nela, Fran era Fran Fine, a divertida ama.[DESTAK]

Cynthia Nixon esclarece declaração polêmica à revista A atriz tentou colocar panos quentes na polêmica em torno de suas recentes declarações, em que afirmou ter escolhido ser gay


Cynthia Nixon
Cynthia Nixon (AFP)
31/1/2012
A atriz Cynthia Nixon, a Miranda do filme  “Sex and The City”, tentou colocar panos quentes na polêmica em torno de suas recentes declarações, em que afirmou ter escolhido ser gay. Na última segunda-feira (30), Nixon divulgou um comunicado à revista “The Advocate”, explicando que é bissexual, e não por opção. “O que ‘escolhi’ foi estar em um relacionamento gay”, declarou.
No dia 19 de janeiro, em entrevista à revista “New York Times Magazine”, a atriz havia dito que sua orientação sexual foi uma escolha. “Já fui hétero e gay, e gay é melhor. Para mim é uma opção. Entendo que para muitos não seja, mas para mim é uma escolha”. A declaração irritou ativistas do movimento gay, que acreditam que ela poderia ser usada para negar uma predisposição biológica à homossexualidade.
A atriz está há oito anos em um relacionamento estável com a ativista educacional Christine Marinoni. Antes disso, ela já havia sido casada por quinze anos com Danny Mozes, pai de seus dois filhos. (Com informações da agência Associated Press)[ACRITICA]

Atores britânico têm medo de assumir homossexualidade


 31/1/2012
Uma pesquisa realizada pelo sindicato de atores da Inglaterra, a categoria tem medo de se assumir, inclusive para os seus agentes. Apenas 57% de atores gays e lésbicas contam a verdade sobre suaorientação sexual para seus empresários. Já para os colegas, é diferente: 94% diz que fala abertamente sobre suas preferências para os atores com quem contracenam. Apesar disso, nem todos do meio artístico são tão tolerantes quanto a população em geral imagina: 35% dos atores relatam que já foram vítimas de homofobia no trabalho.




Cristianismo na parada gay em Chicago USA ´”I’m sorry for how the church treated you”

Um grupo cristão mostra-se a um desfile do Orgulho Gay Chicago segurando cartazes apologéticos, incluindo “Eu sinto muito de como a igreja te tratou”.


A Christian group shows up to a Chicago Gay Pride parade holding apologetic signs including “I’m sorry for how the church treated you”.

Jovens LGBT realizam “Pink Nique” no próximo domingo


No próximo dia 29 acontecerá o 9º “Pink Nique” LGBT. Idealizado pela Aliança Paranaense pela Cidadania de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais, através da sua área jovem – a Aliança Jovem, o Pink Nique pretende promover mais um momento de descontração e interação entre a população LGBT, além dos bares e boates. O ponto de encontro será o Parque Barigui (próximo às churrasqueiras, em frente ao lago) a partir das 14h.
Prepare a sua cesta, chame os amigos e participe!
Serviço
O que? 9º Pink Nique;
Quando? Dia 29 de janeiro (domingo) à partir das 14 horas;
Onde? No Parque Barigui, nas churrasqueiras em frente ao lago;
O que levo? Comidas, bebidas, jogos, instrumentos musicais…
Informações: (41) 3222-3999 ramal 22, 9915-6520 com Alberto, 9650-6908 com Thon.

http://www.cepac.org.br/blog/?p=364

Visando conquistar público gay, empresa lança a Cuelcinha


A empresa Comum de Dois se auto-define como inovadora, que “oferece aos seus clientes produtos de excelente qualidade, com elegância, beleza, sofisticação, requinte, sedução e principalmente conforto”.

A jovem estilista Beatriz Rouce, 21 anos, é a criadora do produto mais... excêntrico da empresa, gerenciada por Edy Rouce, mãe de Beatriz. Para presentear um amigo, a estilista, que afirma ter diversos amigos homossexuais, fabricou uma peça de lingerie masculina.

"Ele gostou, mais amigos pediram, e eu abracei a ideia", conta a empresária de Americana, no interior de São Paulo, que viu no interesse do amigo uma oportunidade de se especializar e abrir a própria empresa.

A jovem empreendedora até então acumulava no currículo apenas alguns cursos técnicos e trabalhos pontuais na costura e precisou pesquisar e aprender para desenhar as lingeries masculinas. "É difícil porque você tem que aplicar o conceito masculino, com a anatomia diferente, mais a parte da sensualidade".

Nasceram, então, as “CUELCINHAS” (de cueca + calcinha). O produto foi confeccionado para se adequar à anatomia do homem e conta com todos os babados, rendas e delicadezas das tradicionais lingeries femininas.

Hoje, Beatriz contabiliza a venda de cerca de 50 peças por dia, confeccionadas por uma empresa de costura terceirizada. É dela, no entanto, a escolha dos desenhos, tecidos, aviamentos, acabamentos e moldes de toda a produção. Os preços variam de R$ 40 a R$ 55 e as vendas acontecem por Skype e MSN, com os produtos sendo entregues pelos Correios. Tudo com a máxima discrição, garante a empresária.

http://www.bemparana.com.br/index.php?n=203974&t=visando-conquistar-publico-gay-empresa-lanca-a-cuelcinha

Ser ignorado dói, mesmo por um estranho


Inclusão pelo olhar
Sentir-se como parte do grupo é algo crucial para a experiência humana.
Todas as pessoas sentem-se estressadas quando são deixadas de lado.
Por outro lado, essa "inclusão social" parece ser algo extremamente sutil.
Pesquisadores descobriram que a sensação de inclusão pode vir de algo tão simples quanto um olhar, mesmo vindo de um estranho.
Poder do olhar
Os psicólogos documentaram há tempos que as pessoas que se sentem conectadas a outras sentem-se mais felizes.
O que o Dr. Eric Wesselmann, da Universidade Purdue (EUA) queria saber era o que é minimamente necessário para que uma pessoa sinta-se conectado a um grupo.
Os experimentos mostraram que não é necessário nem mesmo sorrir para que o outro sinta-se incluído no grupo: basta um olhar.
O oposto também é verdadeiro: para fazer uma pessoa sentir-se ignorada, basta "passar os olhos" em sua direção como se ela não estivesse lá.
Conexão humana
O que mais impressionou nos experimentos é que as pessoas relataram estar se sentindo deixadas de lado mesmo por grupos com os quais elas não queriam nenhum contato - na simulação, a Ku Klux Klan.
"Essas pessoas que você não conhece, mas que passam por você e olham como se você fosse puro ar, têm pelo menos um efeito momentâneo," diz o pesquisador.
"O que nós achamos mais interessante sobre isso é que agora podemos realmente falar do 'poder da conexão humana'. Ele parece ser um fenômeno muito forte," conclui Wesselmann.

http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=ser-ignorado-doi&id=7381&nl=nlds

Homem esfaqueia rapaz de 22 anos em Sidrolândia



Aumentar texto
 Diminuir texto
Ari Theodoro


Por volta das 20h deste domingo (29), a Policia Militar foi novamente acionada para atender uma ocorrência envolvendo uma vítima de esfaqueamento. Dessa vez, o fato foi registrado na Rua Diogo Cunha, no Jardim Cascatinha, em Sidrolândia, a 70 kms de Campo Grande.
José Roberto Domingos Oliveira, de 22 anos, foi esfaqueado no pescoço. Segundo informações de populares, o autor do golpe ( provavelmente de canivete) em José Roberto, foi um rapaz que seria homossexual, conhecido por “Caco”.
Os policiais militares realizaram rondas pela região na busca pelo responsável, mas até o momento, “Caco” continua foragido.
Depois do socorro, a vítima foi levada por uma ambulância para o Pronto Socorro de um Hospital daquela cidade.
Segundo as primeiras informações, como o estado de saúde de José Roberto inspira cuidados, ele aguarda vaga para ser transferido para um Hospital de Campo Grande.
Outros crimes em Sidrolândia
Ainda neste domingo (29), durante a manhã, o menor W.B.B. de 14 anos, levou um tiro nas costas. A polícia também investiga esse outro caso.
Já na semana passada, no mesmo bairro do esfaqueamento de hoje, o Cascatinha, menores infratores balearam um cachorro. Eles estavam com uma arma, de calibre 22.

Com informações de Sidrolândianews.com.br

Twitter pode vetar palavra "gay" em alguns países


O preconceito pode sim caber nos 140 caracteres do Twitter, ou melhor, ele pode nem aparecer na rede de microblogs. A discriminação pode, em breve, vetar tuítes que citem palavras tais como gay, homossexual, LGBT, lésbica, travesti etc. Governos que queiram controlar manifestações também utilizariam essa estratégia.
A possibilidade vem de nova política do Twitter. A companhia pretende aceitar pedidos de governos dos países onde atua no que diz respeito a que palavras são permitidas pela legislação de cada local.
Ativistas LGBT estão preocupados com países nos quais a homossexualidade é crime. O veto poderia, inclusive, impedir a denúncia de assassinatos e prisões de homossexuais pela rede.
Pela lei, o Twitter, uma empresa privada, tem esse direito. E aí, está na hora de boicotar esse passarinho azul que pode não entregar todas as mensagens?

Welton Trindade

Rinoplastia-COMO É O SEU NARIZ?



Plástica de nariz – Rinoplastia

Rinoplastia (plástica de nariz), é possivelmente a cirurgia plástica mais comum em todo mundo. Ela pode diminuir o nariz ou aumentá-lo o tamanho do nariz do paciente, mudar o formato da ponta e a forma do abaulamento do dorso do nariz, corrigindo o nariz torto.
cirurgião plástico observa o equilíbrio estético entre as proporções do rosto e do nariz para que a face fique natural e autêntica. Cada paciente é estudado detalhadamente para que receba a melhor forma possível, dentro das demandas do seu rosto.
cirurgia rinoplastia traz muitas vantagens para o seu bem-estar, assim como qualquer cirurgia plástica estética. Um nariz belo fará você sentir-se melhor consigo mesmo, em primeiro lugar, portanto mais autoconfiante.
RISCOS
Qualquer procedimento médico tem seus riscos, mas os que estão associados com as cirurgias plásticas são pequenos e podem ser minimizados se o paciente e o cirurgião plástico tomam certos cuidados.
Após a cirurgia há uma pequena possibilidade de aparecerem vasos sanguíneos pequenos e avermelhados no nariz. Eles podem ser temporários, do contrário necessitarão de tratamento se o paciente preferir.
As cicatrizes são quase imperceptíveis, mas em alguns casos é necessário um complemento à cirurgia de rinoplastia com o propósito de corrigir pequenas imperfeições. É uma situação que pode ser parte do tratamento.
Fatores que podem ter influência no procedimento cirúrgico e nos seus resultados são as estruturas dos seus ossos nasais, o formato do seu rosto, a espessura da sua pele, idade e expectativas com relação aos resultados.
Ao conversar com seu médico, mostre preferência para realizar a sua cirurgia plástica em um hospital completamente equipado. Muitas vezes as clínicas não possuem alguns equipamentos de emergência fundamentais como um simples desfibrilador, que podem ser necessários em casos raros.
Após a plástica de nariz a internação não costuma ser necessária. Portanto você deverá ir ao hospital com um acompanhante para voltar para casa com alguma assistência.
ANESTESIA
Dependendo da extensão da cirurgia rinoplastia e a vontade do paciente a anestesia pode ser local ou geral. A anestesia geral envolve mais riscos do que a local, em que você recebe uma sedação leve e permanece acordado durante o procedimento, mas obviamente sem dor.
A CIRURGIA
A pele do nariz é separada do osso e da cartilagem, que é esculpida pelo médico. Depois disso a pele é novamente adaptada ao novo formato da sua estrutura.
Alguns cirurgiões realizam o procedimento pelo interno do nariz por incisões nas narinas. Alguns preferem procedimentos abertos, que são mais comuns quando o caso é mais complexo. Nesse caso é feita uma incisão na columela, a parte do nariz que separa as duas narinas.
Ao final da rinoplastia é fixada uma tala para manter a nova forma do nariz e tampões internos.
A plastica de nariz também tem o objetivo de melhorar a respiração do paciente quando há, por exemplo, um desvio de septo.
O pós-operatório pode incluir inchaço no rosto no primeiro dia (que pode piorar nas 72 horas após a operação), dor no nariz e dor de cabeça. Mas medicamentos prescritos pelo cirurgião podem ajudar a controlar estes sintomas. É importante repousar coma cabeça deitada nos primeiros dias. Compressas frias reduzem o inchaço.
Em dois dias normalmente é possível voltar ás atividades normais, com exceção dos exercícios físicos, que devem esperar algumas semanas. Em duas ou três semanas a maioria dos sinais da plástica no nariz desaparecem. Um pequeno inchaço, difícil de perceber, pode persistir por mais tempo.
Para ver o resultado final pode levar meses, pois a cicatrização é lenta. Neste período você deverá evitar tomar luz do sol direta e passar cosméticos.
PREÇO RINOPLASTIA
Existem muitas variáveis para determinar o preço de uma rinoplastia. Elas vão desde quantidade até complexidade do procedimento, renome do médico, despesas hospitalares, etc. Com todas estas possibilidades o procedimento fica entre dois e sete mil reais.
Talvez a coisa mais importante que você deva saber, além destas informações sobre a cirurgia plastica rinoplastia é que elas não substituem uma consulta com um bom cirurgião plástico, portanto marque a sua.
RINOPLASTIA FOTOS
As fotos de rinoplastia abaixo são de mulheres famosas que possivelmente realizaram o procedimento




Por Alessandra Nogueira

VOCÊ SABIA QUE SEU CELULAR TEM COLIFORMES FECAIS?



 Menos higiênico do que você pensa: seu celular pode ter alto teor de coliformes fecais

Quem usa celular diariamente pode não se dar conta, mas esses objetos se sujam muito facilmente se não houver higiene. Passando de uma bolsa ou mochila para as mãos, ele pode acumular poeira e pequenas partículas de sujeira. Um estudo britânico, no entanto, vai ainda mais longe: seu celular pode ter alto teor de coliformes fecais.
A Universidade de Londres fez uma parceria com um centro de estudos sobre higiene e medicina. As entidades conduziram um estudo que recolheu mais de 400 celulares, pertencentes a voluntários de 12 cidades britânicas. O resultado impressionou: 16% dos celulares utilizados estavam contaminados comEscherichia Coli, a bactéria que habita o nosso intestino. Ou seja, vestígios das fezes conseguiram chegar até o teclado do celular.
Os pesquisadores ainda constataram algo em relação à temperatura. As cidades do norte, mais frias, apresentaram maiores teores de coliformes fecais nos teclados. Logo, quanto mais fria a região, mais propício é o clima para a sobrevivência das bactérias, e maior o risco de contaminação.
O problema parece ser complexo por dois motivos. O primeiro é a notável resistência da bactéria, que sobrevive a partir da higiene não perfeita das pessoas no banheiro (em outras palavras, não lavam as mãos depois de fazer as necessidades), passa para os dedos e chega aos celulares. O segundo é a gravidade disso para a saúde: as crianças, principalmente, são alvos fáceis de infecções gástricas por essa razão.
Mas não julgue tão duramente a higiene dos britânicos: eles não saem do banheiro necessariamente sem lavar as mãos. Estudos recentes e outros mais antigos afirmam que muitas pessoas lavam a mão superficialmente, às vezes sem sabonete, e isso pode não ser suficiente. Pode parecer uma lição para crianças, mas os pesquisadores apontam que o problema está justamente nisso: lave bem as mãos![BBC]

Por Stephanie D’Ornelas

Saiba como uma criança de 10 anos se perdeu dentro de um computador

Como uma criança de 10 anos se perdeu dentro de um computador


Algum tempo atrás, os editores do site TNW publicaram algumas de suas primeiras experiências com computação. Um leitor se interessou pelas histórias e resolveu compartilhar a sua própria, com um dos primeiros computadores que existiu.
A história é impressionante: ele simplesmente se perdeu dentro do computador. Hilário, não? Agora vamos voltar no tempo. Estamos na década de 1950, quando os computadores gigantescos eram construídos com tubos de vácuos. Essa é a história que o homem, que permaneceu anônimo no site, contou:
“Em 1950, eu tinha 10 anos, e estava visitando o campus da Universidade Estadual de Michigan. O computador estava no piso térreo, desligado, com a porta aberta. Ele tinha a metade do tamanho de um ginásio, com muitas linhas de cabines mais altas que eu. Andei para cima e para baixo observando as linhas nos tubos de vácuo, até que eu fiquei entediado. Só que eu não conseguia mais ver a porta, e não me lembrava de como voltar para fora. Eu estava literalmente perdido no computador. Então eu continuei andando, até que finalmente encontrei a porta aberta e saí”.
Filmes que mostram pessoas presas dentro de computadores de forma digital são comuns. Mas no passado isso era um perigo físico real (onde está a saída dessa máquina gigante?). O computador em que a criança ficou presa não foi revelado, mas possivelmente era o MISTIC.
Com histórias assustadoras e divertidas como essa, é uma felicidade ver os computadores portáteis e pequenos que temos em nossas mãos atualmente. Para ficar perdido em um computador, agora, só em livro ou filme de ficção. [TNW]

Por Stephanie D’Ornelas